Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal

Turismo em Rede em programa na RTP

Atividade turística

18.08.2019

​Ao longo das últimas duas décadas, de Norte a Sul pelo interior do País, surgiram e foram-se afirmando um conjunto de redes colaborativas que agregam agentes turísticos e, em vários casos, entidades públicas, e que desenvolvem ações de estruturação de produto e promoção de territórios.

​​Com o​ objetivo de ampliar a notoriedades destas redes, a RTP está atualmente a transmitir um talk-show, produzido em exterior, intitulado Turismo em Rede, que tem como palco alguns dos projetos das Redes Colaborativas. 

Com uma duração diária de 5h3O, os programas decorrem sensivelmente entre as 10h00 e 13h00 e as 15h00 e 17h30m, focando experiências turísticas proporcionadas por cada uma destas estruturas. 

Os programas pretendem promover o dinamismo e a autenticidade destes diversos territórios, nomeadamente no que diz respeito ao património cultural e natural, a gastronomia, mas abordando também o cycling and walking, novas abordagens ao artesanato regional, os usos e costumes, o alojamento diferenciador e novos projetos, que estão a possibilitar o surgimento de novos produtos turísticos e a revitalização dos recursos naturais e patrimoniais destes territórios.

As emissões realizam-se num ponto central de cada território visitado e incluem entrevistas a diversas entidades envolvidas nessa rede colaborativa, desde os respetivos gestores, historiadores, empresários de animação turística, proprietários de estabelecimentos hoteleiros, empresas de restauração, ou representantes de associações ou outras entidades relevantes. 

Além das entrevistas, os programas têm momentos de animação musical preponderantemente de origem local e reportagens previamente gravadas nos locais mais emblemáticos. O Turismo de Portugal assumiu-se como o facilitador de contactos entre as redes e a RTP, tendo a definição da estrutura de cada programa passado pela negociação direta entre cada Rede e a RTP.

Calendário dos programas:
agosto
19 – Algoso (Junto da Igreja Matriz) – Rota da Terra Fria Transmontana
20 – Lousada (Praça das Pocinhas) – Rota do Românico
23 – Castelo de Vide – Lugares da Serra Alentejana  
setembro
03 – Anadia, Curia – Termas do Centro 
04 – Idanha-a-Nova, Penha Garcia – GeoPark Naturtejo 
05 – Moura – Heranças do Alentejo 
06 – Odemira – Rota Vicentina 



  • Interior
  • Desenvolvimento regional
  • Desenvolvimento sustentável
  • Recurso cultural
  • Recurso natural
  • Património
  • Turismo
  • Portugal
  • Turismo de Portugal
  • Redes colaborativas
  • Promoção turística
  • Territórios de baixa densidade
  • RTP
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image
  • social network icon image